Margarete Coelho diz que Progressistas vai definir seu futuro

0
Foto: Lucas Dias

“Essa posição tem que ser do meu partido, claro que vão me ouvir e vou analisar o que vai me convir ou não, mas, o partido não está cogitando ainda qualquer outro cargo pra mim”, disse ela.

A vice-governadora Margarete Coelho voltou a dizer que seu destino político está nas mãos de seu partido, o Progressistas, caso, o governador Wellington Dias (PT-PI) decida passar para outro aliado a vaga que hoje é ocupado por ela. A progressista fez as colocações, ao mesmo tempo em que, reafirmava que seu principal objetivo é permanecer no cargo em discussão.

“Essa posição tem que ser do meu partido, claro que vão me ouvir e vou analisar o que vai me convir ou não, mas, o partido não está cogitando ainda qualquer outro cargo pra mim. Está sendo cogitada a permanência de vice-governadoria. Agora o senador Ciro é aquela pessoa que todos conhecemos, é um democrata e um homem de diálogo, um grande articulador. Neste momento, temos que trabalhar nesse sentido”, ponderou Margarete.

O cargo de vice atualmente é pleiteado por outros partidos da base aliada, entre eles, o MDB, que tenta emplacar o presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Themístocles Sampaio Filho para a vaga, e o PTB, que já apresentou a deputada Janaínna Marques para o espaço.

Fonte: GP1.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here