Lula dá 1ª entrevista após prisão e chora ao citar neto; assista!

0

O ex-presidente Lula concedeu nesta sexta-feira (26) uma entrevista exclusiva El País e à ‘Folha’ em Curitiba. É sua primeira entrevista desde que foi preso há mais de um ano.

Na tarde desta quinta-feira (25), o ministro do Supremo Tribunal Federal – STF, Ricardo Lewandowski atendeu ao pedido da defesa de Lula e derrubou a decisão da Polícia Federal que tentava proibir a entrevista aos veículos.

O petista relembrou a morte do irmão Vavá, em janeiro deste ano, e o neto, Arthur Araújo Lula da Silva, de 7anos, dois meses depois.  “Esses dois momentos foram os mais graves”

“O Vavá é como se fosse um pai pra família toda. E a morte do meu neto foi uma coisa que efetivamente não, não, não… [pausa e chora]. Eu às vezes penso que seria tão mais fácil que eu tivesse morrido. Porque eu já vivi 73 anos, eu poderia morrer e deixar meu neto viver.”

Lula diz que há outros momentos que o deixam triste, com uma mágoa profunda. “Quando vejo essa gente que me condenou na televisão, sabendo que eles são mentirosos, sabendo que eles forjaram uma história, aquela história do powerpoint do Dallagnol, aquilo nem o bisneto dele vai acreditar naquilo. Esse messianismo ignorante, sabe? Então eu tenho muitos momentos de tristeza aqui. Mas o que me mantém vivo, e é isso que eles têm que saber, eu tenho um compromisso com este país, com este povo”, acrescentou.

“Não tem problema que eu fique aqui para o resto da vida. Quem não dorme bem é o Moro, Dallagnol e o juiz do TRF-4 [que confirmou sua condenação em segunda instância.”

 

 

Fonte: El País

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here