Isolamento social provocado pelo covid-19 alerta para o iminente aumento dos crimes de abuso sexual contra crianças e adolescentes

0

O isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus alerta para o iminente aumento dos crimes de abuso sexual contra crianças e adolescentes dentro da própria família.

O presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente OAB-PI, advogado Rogério Almeida, comenta que as crianças e adolescentes podem estar em situação de vulnerabilidade e os seus responsáveis precisam estar mais atentos aos sinais do abuso.

“Diante da atual situação anormal que nós vivemos, as pessoas estão mais tempo dentro de casa, mais tempo com os seus familiares, as pessoas estão podendo conviver mais com os seus entes queridos, isso é muito saudável, porém há situações em que a criança está em risco iminente, está em situação de vulnerabilidade. Por quê?   porque a história desse crime conta que a maioria dos casos de abuso acontece por pessoas próximas da família”, disse Rogério Almeida.

Hoje, no Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes, a OAB Piauí promove o primeiro webnar alusivo a essa data.

O evento acontecerá nesta segunda (18) e terça (19), das 15h às 18h, e poderá ser acessado pela plataforma online ZOOM. Ele acontece em parceria com a comissão da OAB e da ESA Piauí.

“Qualquer pessoa da cidade pode participar e, participando, ela vai ter acesso às palestras de pessoas que tratam diariamente desse tema, que é tão caro a todos nós. A família é atingida com isso. É importante que a sociedade tenha esse evento para conhecer e prevenir esse tipo de crime, e se acontecer tomar as providências necessárias”, ressalta Rogério Almeida.

Sobre a realidade de Teresina, Rogério Almeida comenta que os cinco conselhos tutelares acompanham casos que correm em segredo de justiça.  “O estado do Piauí tem procurado se aparelhar para coibir esse tipo de crime. São acontecimentos difíceis de se detectar, ele requer um olhar mais apurado, conhecimento maior. Em Teresina, por exemplo, os cinco conselhos estão acompanhando alguns casos, mas como ocorrem em segredo de justiça, a sociedade não toma conhecimento, a não ser os casos veiculados pela imprensa”.

O advogado também relata alguns detalhes na mudança de comportamento da criança e adolescente vítima de abuso.

“Primeiro a criança muda o seu comportamento, de repente ela fica mais tímida, tem diminuição do seu rendimento escolar, diminuição da sua  atividade social. É importante que a pessoa que esteja olhando essa criança tenha o mínimo de conhecimento para poder identificar: tem algo errado. Estamos em isolamento social, mas nós devemos todos

Os interessados em participar do seminário virtual deverão se inscrever no site www.oabpi.org.br/portaldoaluno. O evento é gratuito e as vagas são limitadas.
Fonte: Cidade Verde

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here