Ex-detenta é suspeita de furtar casas de oficiais militares

0

Uma ex-detenda é suspeita de invadir casas na Vila Militar, de oficiais do Exército Brasileiro, e furtar objetos. A Vila Militar está localizada no bairro Ilhotas, na zona Sul de Teresina. A entrada e saída das residências foram registradas por câmeras de segurança. A prisão preventiva será solicitada.

A suspeita foi identificada pela equipe do 6º Distrito Policial como Maria da Cruz Moraes Silva. Os policiais investigavam o arrombamento de três casas de dentro da vila militar.

Nas ações, a suspeita furtou televisões e joias. Juntas, as peças em ouro foram avaliadas em R$ 10 mil. O chefe de investigação do 6º DP, Washington Gomes, classificou a suspeita como “profissional” nesse tipo de crime.

“Ela saiu do sistema prisional em janeiro. Ela é useira dessa prática; não tem dificuldade em entrar em residência. Quando não consegue levantar os portões, esses que são de alumínio, sobe pelo muro e adentra na casa. Faz uma trouxa, coloca na cabeça como se fosse uma lavandeira e sai normalmente. Televisão de plasma chega a levar de três”, disse o chefe. A recomendação é que as pessoas reforcem a segurança das casas, principalmente com esse tipo de portão.

O chefe de investigação contou que a presa confessou revender as joias em ouro no Centro de Teresina por meio da venda em grama. Ela também assumiu ter revendido as televisões, mas não deletou o nome dos compradores. Quem compra produtos furtados ou roubados também respondem criminalmente.

 

 

 

Fonte: Cidade Verde

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here