Denunciado, ex-vereador chama Silas de “bandido”, que rebate: “É um frustrado”; Veja Vídeos!

0

Desde o fim de semana, Silas Freire e Antônio José Lira (PSL) tem trocado acusações através das redes sociais. Embate que ficou tenso após uma nota publicada no site encarando.com, em coluna mantida pelo jornalista, contra o ex-vereador.

A denúncia trata do suposto desvio de valores da folha de um funcionário comissionado, que trabalhava no gabinete do ex-parlamentar na Câmara de Teresina. A nota publicada nesta segunda-feira (25), na coluna de Silas, diz que a denúncia contra Antônio José Lira será levada ao Ministério Público Estadual.

Acordo por vaga na Câmara

Para Antônio José Lira, tudo não passa de inconformismo de Silas e de uma tentativa do jornalista em agradar o prefeito Firmino Filho (PSDB), para conseguir uma vaga para Stanley Freire (PR), filho do jornalista na Câmara de Vereadores. Se refere ainda à derrota do jornalista nas urnas, em 2018, quando ele tentou a eleição para a Câmara Federal.

— Tem gente que não aceita o resultado das urnas. É o caso deste bandido de nome Silas Freire. Ele perdeu e quer acusar todo mundo pelo fracasso dele (…) Existe um acordo para que o prefeito de Teresina coloque o filhinho dele na Câmara Municipal, no lugar do vereador Caio Bucar — diz em um vídeo publicado em seu Facebook.

Acabar com o Antônio José Lira

As imagens foram gravadas no “quintal do Lira”, espaço que ele aluga para eventos. Nele, diz ainda o ex-vereador, que há uma meta do grupo por ele mencionado, que é “acabar com Antônio José Lira”.

“Quem é o bandido?”

Na tréplica ao ex-vereador, Silas Freire gravou um vídeo para dizer que está sendo atacado por exercer seu papel como jornalista e publicando “notícias que não agradam ele”.

— Hoje eu denunciei que ele lesou um idoso de 68 anos, o Raimundo. Ele botou o cara no gabinete dele, retinha o cartão, dava só mil reais. E ainda tirou um empréstimo de 20 mil reais no nome do idoso. Gente, quem é o bandido? — indaga.

“Frustrado”

Silas ainda ironizou ao dizer que, diferente da família de Antônio José Lira, a sua está sempre do seu lado e ao fim chama-o de “frustrado”

— O deputado Átila não vota nele, os sobrinhos não votam nele. Todos votam, e ajudam, e trabalham para o vereador Luís André. Por isso que ele ataca o Luís André, sabe — completa.

 

Fonte: 180Graus

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here