Após reagir à prisão e lutar com PMs, ex-presidiários são presos em cidade do Piauí

0

Uma mega operação policial realizada no final da tarde dessa segunda-feira (14/09), culminou com a prisão do ex-presidiario e traficante, José Lopes Neres Filho, conhecido no mundo do crime como, Pit de 32 anos de idade.

A operação contou com a participação de 20 (vinte) policiais militares, sendo 15 (quinze) da CGO – Coordenadoria Geral de Operações da capital piauiense e 05 (cinco) da Força Tática da 4ª Companhia do 12º Batalhão de Esperantina.

O comandante da 4ª Companhia, Capitão QOPM, Antonio Angelo, relatou que o ex-presidiario Pit, foi preso no Bairro Mão Santa e ainda tentou empreender fuga.
Segundo o comandante, no momento da prisão, o ex-Presidiário entrou em luta corporal com alguns dos militares envolvido na operação.

 

Além de Pit, foi preso também na operação de hoje o ex-presidiario, Helder, que se encontrava foragido da Penitenciaria Majoe César de Oliveira localizada nas imediações da cidade de Altos.
De acordo com informações prestadas por um dos militares que coordenou a operação policial, Pit é considerado como um dos maiores traficantes da região norte do estado.
Segundo o militar, o ex-presidiario era responsável diretamente pela maioria dos assaltos que vinha sendo registrado nos últimos tempo em Esperantina e na região.
O militar declarou que Pit era o responsável por manter toda a logística dos assaltantes.

Pit, era foragido da Penitenciaria Regional Luis Gonzaga Rebelo da cidade de Esperantina. O mesmo, empreendeu fuga durante a rebelião ocorrida no dia 06 de outubro do ano de 2017, ou seja, estava a mais de dois anos foragido do sistema prisional, a chamada “liberdade forçada”.
Em tempo, os dois presos na tarde de hoje, foram encaminhados direto para a Penitenciaria Regional Luis Gonzaga Rebelo.

 

 

 

 

Fonte: 180 Graus

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here